.

#2 - Exposições menos badaladas

... porém não menos interessantes

Há alguns meses trouxe o primeiro post desta série e pelo que percebi vocês gostaram, então vamos a segunda postagem!

Em agosto publiquei na fanpage do blog uma curiosa matéria onde era solicitada a doação de sapatos usados e cartas de agradecimentos, para fazerem parte de uma exposição da artista Chiharu Shiota

Sapatos velhos? Cartas? Em um primeiro momento parece estanho, não é mesmo? Mas não é! A mostra é repleta de sensibilidade e reflexões, e com sutileza ainda traz um grande aprendizado aos visitantes.

Confiram o resultado final!


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Chiharu Shiota: Em Busca do Destino (Foto: Simone Silva)

Chiharu nasceu no Japão e desde 1996 mora em Berlim, onde estudou artes plásticas.

Há 5 anos abandonou os pincéis para criar instalações como essa, pois descobriu que o que queria mostrar não caberia na maior das telas, segundo ela "queria desenhar os sentimentos das pessoas".

É isso que a artista traz nesta mostra, uma mescla de reflexão e sentimentos. É uma viagem ao universo afetivo.

A exposição divide-se em três instalações: uma no hall de entrada, outra no térreo próxima às escadas rolantes e outra no espaço expositivo do 2º andar. 

A primeira delas chamar-se "Além dos Continentes", onde estão expostos os sapatos doados. São unidos a fios, na cor vermelha, que saem de um único ponto e seguem cada um o seu caminho, o seu destino.

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Primeira instalação: Além dos Continentes (Foto: Simone Silva)

Façam suas próprias interpretações.


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
(Foto: Simone Silva)

"Acúmulo" é a segunda instalação. Nela cerca de 200 malas usadas adquiridas pela artista em Berlim. Cada uma delas esta pendurada no teto através de fios.


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Segunda instalação: Acúmulo (Foto: Simone Silva)

O intuito é fazer com que os visitantes imaginem a quem pertenceram as malas, de onde vieram, para onde foram, o que carregaram. E também trazer memórias.


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
(Foto: Simone Silva)

A última instalação foi a que eu mais gostei, chama-se "Gratidão".

Teias feitas de fios formam túneis, onde ficam as cartas de agradecimento escritas pelas pessoas comuns que participaram do projeto.


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Terceira instalação: Gratidão (Foto: Simone Silva)

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Túneis de fios com as cartas expostas (Foto: Simone Silva)

São mais de 3.000 cartas com os mais variados tipos de agradecimentos. Vejam algumas:


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Essa pessoa desenhou o almoço e agradeceu por ele (Foto: Simone Silva)

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Essa agradece a Deus pela vida e por estar ao lado da filha (Foto: Simone Silva)

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Agradece às pessoas que fazem a diferença em sua vida(Foto: Simone Silva)

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Esse agradece pelo amor (Foto: Simone Silva)

Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
Cartas e mais cartas (Foto: Simone Silva)

Essa instalação foi montada pela primeira vez a dois anos, no Japão. Chiharu a criou para dedicá-la ao pai, com quem não se dava bem...mas ele faleceu pouco tempo antes da inauguração. É como diz o ditado "não deixe para amanhã o que se pode fazer hoje"...

Visitei a mostra sábado passado e por causa desta instalação, especificamente, sai de lá pensando que devo agradecer mais, a Deus, ao meu Anjo da Guarda, aos meus pais, aos meus amigos, até mesmo a mim ...enfim...agradecer!

Afinal, por mais problemas que tenhamos, sempre há motivo para agradecimentos, SEMPRE!

Portanto, queridos leitores a lição que eu aprendi visitando essa exposição e quero compartilhar com vocês é: agradeçam!

Sejam realmente gratos, não apenas pelas coisas boas que acontecem, mas também pelas ruins, pois são através delas que aprendemos e temos a chance de nos tornarmos pessoas melhores #ficaadica


Exposição: Em busca do destino, Chiharu Shiota, Sesc Pinheiros, São Paulo
(Foto: Simone Silva)

"Em busca do destino" já foi montada em outros países e esta é a primeira vez que veio para América Latina. Está em cartaz em São Paulo, no Sesc Pinheiros com entrada franca. Não percam!

Mais informações:
Sesc Pinheiros
Endereço: Rua Paes Leme, 195 - 2º andar– Bairro: Pinheiros – São Paulo/SP (Próximo à Estação Faria Lima do Metrô - Linha Amarela)
Telefone: (11) 3095-9400
Data e Horário: Até 10/01/2016 - De terça a sexta - Das 10h às 21h30, Sábados das 10h às 20j30 e domingos das 10h às 18h30
Ingresso: Entrada Gratuita

Gostaram? Aproveitem para seguir o blog nas redes sociais!


   


Abraços e até o próximo embarque!

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! Sua participação é muito importante para nós!