.

5 Dicas para economizar em Curitiba

Olá, finalmente vou estrear o espaço reservado apenas para dicas!!! Obaaaaa!!!!

Isso não significa que os outros espaços do blog não tenham dicas, muito pelo contrário. Relato minhas experiências em viagens e passeios e sempre acrescento dicas e sugestões, porém aqui é um local exclusivo para dicas, ok?

Então vamos deixar de blá blá blá e ir ao que interessa ;)

Como prometido no post anterior, trago para vocês cinco dicas para economizarem quando estiverem em Curitiba. São elas:


1ª) Hospedagem:
Essa dica serve para quase todas as viagens.

A escolha da hospedagem é algo muito pessoal, tem aqueles que não importam se o local é considerado 2 ou 3 estrelas, desde que sejam limpos e bem localizados, outros optam por acampamentos, hostel, outros querem apenas um local para dormir rs e também há aqueles que não abrem mão do luxo.

Bom...como a dica é para economizar, vamos deixar de lado o luxo rs, mas jamais deixar a limpeza, organização e boa localização, ao menos esse é o meu estilo e creio que seja o da maioria também.

Para todos os estilos, a principal dica é escolher datas fora da alta temporada, só neste ponto já dá para economizar bastante, como todos sabem. No entanto, se isso não for possível ou se mesmo assim, quiserem precinhos melhores, tenho algumas opções: 

* Escolher uma pousada ao invés de hotel: Tudo bem que em Curitiba não há tantas opções de pousadas, existem mais hotéis, porém é válido pesquisá-las, pois muitas vezes possuem preços melhores. Além de ser um ambiente mais aconchegante, oferece aquela sensação de estar em casa, é algo mais acolhedor.

* Paciência ao pesquisar hotéis: Sim!!! Para economizar temos que ter paciência para pesquisar bastante, solicitar indicações de amigos, de blogueiros entre outros. As vezes na mesma rua há hotéis com a mesma categoria, porém com preços menores, então pesquisem muito, pois no final valerá a pena ;)

* Hotéis Sesc: para os associados ao Sesc é uma ótima opção, pois mesmo não havendo Hotel Sesc em Curitiba (apenas em Caiobá), há hotéis conveniados que oferecem tarifas especiais aos associados Sesc. Vejam aqui!

* Optar pelo hostel: Quando o assunto é economia, nada melhor do que o "velho e bom" hostel, além de ter tarifas atrativas, está localizado na região Central da cidade e o melhor de tudo: tem a possibilidade de conhecer e fazer amizade com pessoas de outros países ;)

Já me hospedei em hostel tanto no Brasil quanto fora e no geral gostei bastante, mas não fiquei em quarto coletivo, porque confesso não gostar muito da ideia de dividir quarto com pessoas que não conheço, mas para quem não tem esse empecilho é a melhor maneira para economizar em hospedagem.

Em Curitiba há dois hostels: Hostel Roma  (no Centro) e Curitiba Eco Hostel  (Campo Comprido)

2ª) Alimentação no Aeroporto Afonso Pena:
Devido a Copa do Mundo no Brasil, estão implantando nos aeroportos das cidades que receberão jogos, lanchonetes/restaurantes populares.

Que ótima iniciativa, não é mesmo? Afinal, uma garrafinha d'água nos aeroportos já tem um valor exorbitante que dirá um simples cafezinho com pão de queijo, por exemplo, é quase o preço de uma refeição fora dos aeroportos. Então nada mais justo e necessário do que a implantação das Lanchonetes Populares.

O primeiro aeroporto a receber esta novidade foi o Aeroporto Afonso Pena.

Os preços de quinze itens são tabelados e cabem no bolso do trabalhador que economiza seu dinheiro, para poder viajar nas férias ou folgas ;)

A Lanchonete Popular localiza-se no Terraço Panorâmico do Aeroporto Afonso Pena/PR.

3ª) Transporte no Aeroporto Afonso Pena:

Na hora de sair do aeroporto e seguir para o hotel, uma boa alternativa é utilizar o ônibus executivo, que sai do Aeroporto Afonso Pena com destino ao Centro.

São seis pontos de parada que passam próximos a vários hotéis pelo preço de apenas R$12,00, ou seja, bom custo x benefício.

Fonte: http://www.aeroportoexecutivo.com.br/


Mais informações aqui

4ª) Tour por Curitiba (Linha Turismo):
Como eu já apresentei no post anterior, os ônibus da Linha Turismo é uma excelente escolha para conhecer muitos pontos turísticos gastando pouco (apenas R$ 29,00).

Ônibus Linha Turismo (Foto: Simone Silva)

O bilhete dá direito a um embarque e quatro reembarques, por isso se quiserem aproveitar melhor, uma dica para quem estiver hospedado no Centro da cidade, é priorizar o desembarque nos pontos mais distantes, uma vez que os locais próximos ao Centro, poderão ser visitados posteriormente, com mais calma e dependendo de onde estiverem hospedados, poderão ir até mesmo a pé ;)

Querem saber detalhes da Linha Turismo? Vejam aqui!

5ª) Trem turístico para Morretes:
Queria tanto ter feito este passeio, mas não tive tempo :( De qualquer forma, como pesquisei sobre esse roteiro, vou dividir com vocês o que achei mais interessante ;)

O Trem da Serra do Mar que vai de Curitiba até Morretes, tem saídas diárias e a tarifa para adulto, na classe turística, é de: ida R$ 92,00 e volta R$ 71,00, totalizando R$ 163,00 :O

Porém, tem como fazer o passeio gastando menos. Querem saber como? Então vamos lá:

* Na ida, ir de trem pela belíssima Serra do Mar e na volta optar pelo ônibus. Vejam a diferença de valores: ida (trem) R$ 92,00 e volta (ônibus) R$ 16,00, totalizando R$ 108,00, ou seja, R$55,00 de economia. Viram? Com essa diferença (R$ 55,00) dará para comprarem um bilhete da Linha Turismo, pagar o ônibus executivo (ida e volta) Aeroporto X Centro X Aeroporto e ainda sobrará R$ 2,00 para o cafezinho hahahaha

* Outra opção é verificar se a empresa na qual vocês trabalham ou da qual são associados, possui convênio com a Serra Verde Express (empresa responsável pelo passeio de trem). 

Um exemplo, neste caso, é a carteirinha do HI (Hostel International) que disponibiliza aos seus associados desconto de 15% na passagem de trem para Morretes, classe turística.

Imagina quanta economia: ida (trem c/ desconto de 15%) R$78,20 e volta (ônibus) R$16,00, totalizando R$ 94,20. Quem gostou levanta a mão!!! \o/ kkkkkk

Vejam aqui a lista com todas as empresas conveniadas.

Mais informações sobre o passeio de trem pela Serra do Mar aqui.

Passeio de Trem pela Serra do Mar (Foto: Divulgação)


Viram como é possível aproveitar bem a viagem e gastando menos? Isso só requer um pouquinho mais de paciência e planejamento, que no final serão recompensados ;)

Obs.: 1) Todos os valores mencionados neste post foram atualizados na data desta postagem;
2) Este post não foi patrocinado, não é um publieditorial.

Gostaram? Então compartilhem, curtam a fanpage do blog e fiquem por dentro de todas as novidades ;)

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário! Sua participação é muito importante para nós!